123

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Corrupção é como câncer

Corrupção é como câncer, se não tratado logo no início se transforma numa metástase que contamina e leva a morte de todo o organismo sadio. Dependendo do grau da doença na época em que for diagnosticada, o tratamento poderá ser mais ou menos radical: desde uma quimioterapia até retirada cirúrgica de todo os tecidos contaminados. Não se deve tratar os tumores malignos com medidas cosmética aliadas com tratamento psicológico que negue a enfermidade.

Em Porto Velho se demorou a iniciar o tratamento da corrupção já diagnosticada a algum tempo, por alguns. Agora o tratamento será muito invasivo e doloroso. Cirurgia profunda e radical. Se não for assim, pode-se até conseguir uma sobrevida com tratamentos paliativos, porém a tumoração voltará e matará o paciente. Não tem como ser meio ético, ou meio honesto. Não existe meia defloração da virgem.

Temos entre os companheiros petista de porto velho muita gente envergonhada. Muitos surpresos, mais não todos. Uns desconfiavam que estava acontecendo coisas estranhas nas entranhas da administração. Outros sabiam e não tiveram coragem ou tinham outros motivos para calarem. De uma forma ou de outra nos calamos e a doença avançou.

Por ocasião da Operação Térmopilas, uma companheira deputada estadual confessou ter recebido propina do Presidente da quadrilha e da Assembléia Legislativa. Chegou a ser julgada e condenada por seus pares deputados. Requerimentos de corajosos filiados que solicitavam que o caso fosse apurado pela comissão de ética do partido foi arquivado pela direção, talvez por pressão dos ora indiciados pela Operação Vértice da Polícia Federal. Há probabilidade de nexo entre as duas operações que a direção do partido teima em não querer apurar devidamente. O núcleo do tecido canceroso permeia uma e outra operação.

Novos requerimentos estão sendo protocolados, vejamos a postura da direção. Conforme o caso teremos que apelar para intervenção da instância superior conforme estatui nosso Regimento partidário. Quem sabe até onde é o grau da cirurgia que precisa ser feita para estirpar todo tecido doentio?

Nenhum comentário:

Postar um comentário