123

sexta-feira, 30 de março de 2012

Carta da Articulação de Esquerda sobre o segundo turno das Prévias em Porto Velho.


A Articulação de Esquerda entende o Partido dos Trabalhadores como um ator coletivo que trabalha pela construção do socialismo e como tal se faz presente em todos os embates em que o interesse dos trabalhadores está colocado. Neste sentido tanto os cargos nos parlamentos quanto no poder executivo, ou nos sindicatos, nas associações de bairros, nas organizações dos agricultores e povos da florestas,  bem como as lutas individuais de cada militante; tem uma mesma orientação estratégica que lhes norteia as tarefas. Para nós, o PT  não é apenas uma sigla eleitoral que reúne levantadores de bandeirolas e motoristas de automóveis plotados nas campanhas.

No início desse processo de prévias para escolha do pré candidato do PT ao cargo majoritário que sucederá o companheiro Roberto Sobrinho no comando da administração municipal em Porto Velho, a Articulação de Esquerda não encontrava sintonia ou afinidade com as pré candidaturas que até então eram cogitadas: de um lado o nome da ex-senadora Fátima Cleide e de outro o da deputada Epifânia Barbosa. A saída daquele dilema foi convocar o nosso companheiro José Neumar a colocar também seu nome a disposição dos companheiros. O objetivo era o de qualificar o debate (que naquela oportunidade já descambava para ataques pessoais); ser uma opção aos eleitores internos no partido e tentar manter a unidade partidária em cima de princípios e proposições políticas,  fugindo da fulanização e do culto à qualidades pessoais do pré candidato ou candidata.

Com a saída da deputada Epifânia Barbosa e o surgimento da proposição do nome do companheiro Cláudio Carvalho e depois com o lançamento de Miriam Saldanha, permanecemos na nossa orientação de qualificar o debate, ser uma opção aos militantes e manter a unidade partidária. Participamos dos debates denunciando práticas incompatíveis com a história do PT, como: o abuso do poder econômico, as tentativas de cabresto, a disseminação de fofocas e ataques pessoais... Trouxemos ainda algumas proposições a serem efetivadas pela próxima gestão à frente da Prefeitura de Porto Velho.

Ao fim do primeiro turno, quis o eleitor partidário que dois nomes fossem submetidos a um novo escrutínio que ocorrerá dia 08 de abril: Fátima Cleide ou Cláudio Carvalho. Como ficar em cima do muro nunca foi uma opção para a Articulação de Esquerda, então nos detivemos, em duas reuniões, a fazer uma análise meticulosa para daí tirar uma posição. Analisamos a experiência e o passado recente dos dois pré-candidatos, as suas habilidades e competências pessoais, confrontamos estas habilidades com as habilidades que o cargo de prefeito requer, analisamos ainda os seus tipos de liderança e grau de independência frente ao seu círculo mais próximo de conselheiros e compromisso com o coletivo maior.

Nossa conclusão nos levou a não apenas apoiar esse ou aquele nome, mais a propor um acordo em cima de princípios e plano de governo com o companheiro CLÁUDIO CARVALHO.

Pelos critérios já listados acima, Cláudio Carvalho, a nosso ver, é o que reúne condições de manter a unidade partidária, trabalhar de forma participativa, mas sem tutelas; que tem comprovada EXPERIÊNCIA ADMINISTRATIVA, e cuja trajetória de superação inspira para a luta de construir uma gestão dentro do modo petista de governar, com inovação e audácia.  Cláudio é um homem de conversa aberta, humilde, que busca a interlocução, tem determinação e coragem para a disputa de idéias. 

Ao contrario do que alguns grupos obscuros e chegados a semear discórdia estão dizendo, o companheiro Cláudio Carvalho não é ficha suja, pois ao longo de todos estes anos a frente de cargos na administração municipal nenhum condenação há contra ele. As falhas apontadas pelo TRE na sua prestação de contas eleitoral, só constam no processo porque não lhe foi dado o direito constitucional de ampla defesa. Mas a justiça será feita.

Assim, no segundo turno das prévias do PT, sem medo de ser feliz,  estamos com CLÁUDIO CARVALHO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário