123

terça-feira, 12 de abril de 2011

Campanha contra violência e extermínio de jovens é lançada em Rondônia.


Uma campanha nacional contra a violência e extermínio de jovens foi lançada na Diocese de  Ji-Paraná. O deputado Padre Ton (PT) participou do evento, promovido em todo o Brasil pela Igreja Católica.


O principal objetivo foi dar oportunidade para os representantes das pastorais da juventude elaborar estratégias e propostas para combater a violência contra a juventude. O tema do evento faz parte de uma campanha nacional criada em 2008 numa assembleia das pastorais da juventude para denunciar situações que geram violência e morte no Brasil.

Padre Ton destacou a força do jovem na luta pelos seus direitos. Ele acredita também que as políticas públicas para a juventude têm que ser melhor implementadas em todo o país, para que a voz dos jovens seja ouvida pelas autoridades nacionais, quando esta classe da sociedade reivindicar seus direitos.

"Eu quero ser provocado pela juventude de Rondônia. Estou aqui como parlamentar federal, como padre e como ser humano para ouvir as reivindicações dos nossos jovens. Só poderei elaborar propostas para atender a nossa juventude se os nossos próprios jovens se organizarem e cobrarem, de forma clara e objetiva, suas reivindicações", disse Padre Ton.

O parlamentar disse que numerosos são os brasileiros que defendem a queda da maioridade penal, mas como padre ele questiona até que ponto a mudança vai verdadeiramente contribuir para a solução dos problemas enfrentados no meio juvenil.

"De repente a melhora no meio político, através de uma reciclagem consciente, promovida pela própria juventude, para a melhor escolha dos representantes políticos do nosso país, seja uma alternativa interessante para que possamos buscar uma defesa mais ampla dos direitos dos nossos jovens, e não a aprovação ou reprovação simplificada de uma lei que determina a idade criminal da nossa juventude", concluiu Padre Ton.

Nenhum comentário:

Postar um comentário