123

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

DS mantém indicação do Ministério do Desenvolvimento Agrário.

A presidenta eleita Dilma Rousseff fechou nesta quarta-feira a formação do seu Ministério. As duas vagas que faltavam foram completadas: confirmou que a deputada Iriny Lopes (PT-ES) será a ministra da Secretaria Especial das Mulheres e numa surpresa de última hora, o deputado Afonso Florence (PT-BA) foi escolhido para comandar a pasta do Desenvolvimento Agrário.

Para o MDA, Dilma tinha convidado inicialmente a secretária de Planejamento do governo Marcelo Deda, Lucia Falcón, mas teve que recuar por causa da retaliação da DS, que, junto com as demais correntes da esquerda petista, incluindo a Articulaçao de Esquerda, derrubou a candidatura de Candido Vaccarezza(PT-SP) para a presidência da Câmara.

Numa conversa que entrou noite a dentro na terça-feira, a presidente eleita fechou com a escolha do deputado Afonso Florence (foto) para comandar o MDA, disputado pela corrente Democracia Socialista (DS) e os governadores do Nordeste. Florence foi secretario de Desenvolvimento Urbano do governo Jaques Wagner.

Nenhum comentário:

Postar um comentário